Faculdade Rudolf Steiner

Apresentação

O século XX trouxe uma revolução na maneira de se fazer e pensar a arte. É importante lembrar que Rudolf Steiner foi contemporâneo a esta revolução artística e trouxe para a Pedagogia Waldorf o conhecimento e a aplicação do elemento plástico, não apenas na sua forma figurativa, mas também na sua forma essencial ou abstrata. E é na abstração que a força do elemento puro se expressa e justamente essa força potencial e criativa está a serviço do desenvolvimento da criança e do jovem.

Na arte abstrata ou na expressão do elemento puro, a linha, por exemplo, não se restringe a ser contorno, a ser caligrafia ou a se colocar a serviço da representação de algo. Ela pode expressar o seu âmago: ser movimento, direção; ser fluída ou interrompida; ser suave ou forte; ser trêmula e sensível, ou firme e intrépida. Essas qualidades do elemento puro são potências criativas que não só atuam na natureza, mas também são alimento para a alma humana.

O vocabulário das artes plásticas é constituído pelos elementos: ponto, linha, superfície, luz/escuridão, cor e volume. Este curso propõe-se a apresentar cada um deles nas suas qualidades básicas, nas suas características expressivas, na sua aplicação na construção figurativa, além de mostrar como esses valores podem contribuir para o ser humano em desenvolvimento e podem ser como instrumentos a serviço da educação.

Histórico

Cada vez mais tem se reconhecido a importância das artes na formação do educando. Ken Robinson, pesquisador e consultor contemporâneo da área da educação, vem alertando, em escala global, o valor das artes para as gerações futuras e para as questões que estas gerações em formação terão que enfrentar. Nas escolas Waldorf, as atividades artísticas percorrem todos os anos do ensino e buscam acompanhar e proporcionar o desenvolvimento integral do ser humano. Todavia, até hoje no Brasil poucas iniciativas foram implementadas para dar os subsídios necessários aos professores de artes de forma estruturada e focada, para que atuem nesta linha pedagógica. Ao mesmo tempo, a experiência acumulada individualmente ao longo de décadas por diversos professores, até então dispersa, constitui um rico conhecimento e conjunto de práticas que podem inspirar o ensino de artes nos mais diversos contextos. É diante dessa situação que o presente curso se propõe a ser um espaço de convergência de tal conhecimento, assim como de desenvolvimento para os professores da área, de modo que possam, com mais consciência e competência, colocarem-se em sala de aula, apoiando o desenvolvimento integral de seus alunos.

Objetivos

Oferecer uma visão do universo plástico, permitindo que aluno conheça as qualidades e características de cada um de seus elementos. Propiciar uma visão do desenvolvimento da criança e do jovem sob o viés das artes, assim como oferecer um panorama da história da arte relacionada à Antroposofia. Apresentar a brasilidade e estabelecer sua relação com o currículo de artes na Pedagogia Waldorf. Dar ao aluno os subsídios necessários para que possa atuar com o ensino de artes nas escolas Waldorf e demais instituições educacionais no Brasil.

Eixos de estudo e disciplinas

Elementos das artes plásticas
– Introdução aos elementos: linha, luz e escuridão, cor e volume
Metodologia
– Artes no currículo da Pedagogia Waldorf: linha, desenho de formas, luz e escuridão, cor e volume
– Metodologia científica
Brasilidade
– Pesquisa e aplicação
História da arte e Antroposofia
– História da arte e o desenvolvimento da consciência humana

Calendário e carga horária

Início previsto: fevereiro de 2019
Término previsto: janeiro de 2021
Carga horária total: 538h

Como ingressar

Este curso é destinado a professores de arte, professores Waldorf, professores da rede pública, professores em formação e outros profissionais afins.

Pré-requisitos

– Diploma de curso superior em qualquer área do conhecimento
– Curso de fundamentação Antroposófica ou equivalente
– Formação em artes ou prática artística consistente e comprovável

Processo Seletivo

Em breve mais informações.
Formulário de interesse.

Coordenação